Conheça Bonito

Fachada Turismo

Conta a tradição que o motivo de chamar-se de Bonito, provém do fato que alguns habitantes a margem do Ipojuca, principalmente do povoado de São José dos Bezerros, vinham caçar na direção da Serra dos Macacos, amantes da caça e da aventura, eles adentravam essa rica fauna e flora, quando um regato límpido e cristalino, fez com que eles exclamassem: “Que rio bonito!” e daí o número de pessoas foi aumentando e surgindo assim o povoado Rio Bonito, e com o tempo suprimindo o Rio ficando apenas Bonito.

Rico em história, o município de Bonito escreve nas suas páginas o movimento Sebastianista da Serra do Rodeador, chamado “Massacre do Rodeador”, um fato histórico que se passa no século XIX, precisamente em 1820, no sítio Rodeador, onde o líder Silvestre José dos Santos, cria uma seita com cultos a Dom Sebastião Rei de Portugal e a Nossa Senhora da Pedra. A cruel matança ao povo do Rodeador seria lembrada em 1822, pelo futuro imperador D. Pedro I, em frase: “Recordai-vos pernambucanos das fogueiras de Bonito!”. Além desse movimento, Bonito participou da Guerra dos Cabanos, Revolução Praeira e Revolução do Quebra-Quilo.

Municípios vizinhos:
Norte: Camocim de São Félix, Sairé e Barra de Guabiraba
Sul: Palmares e Catende
Leste: Cortês e Joaquim Nabuco
Oeste: São Joaquim do Monte e Belém de Maria

Distritos:
Alto Bonito, Bentivi e Estreito do Norte

Seca: Setembro a Fevereiro
Chuva: Março a Setembro

Clima: Quente e Úmido

Altitude:
445m e 900m acima do nível do mar

Principais atividades econômicas:
Agropecuária, Serviços, Comércio e Turismo

0
Km²
0
Distritos
0 mil
Habitantes
0
Hab/km²
0 º
Temperatura média anual
0
Anos de Emancipação
0
IDEB - Anos Iniciais
0
IDEB - Anos Finais
R$ 0
PIB per capita
0
IDHM
Coluna Sao Pedro

Edificada pelo povo bonitense como marco de passagem do século XIX ao século XX, fora lançada sua pedra fundamentall em 30 de Dezembro de 1900, sob os cuidados do Padre Joaquim da Cunha Cavalcante.

Teve sua inauguração em 1903, na presença da comunidade católica bonitense.

Fonte: @bonitodopassado

Praca de Sao Sebastiao

Foi na administração do Prefeito Gonçalo Sabino Pinheiro, o “Gonçalinho”, que se resolveu transformar o espaço, o embelezando, transformando assim em um local digno, para os eventos que aconteciam no local.

Aliás, fora a primeira praça construída no município, haja visto que os outros logradouros só detinham o nome de praça, mas não tinham estrutura urbanística para tal, exemplo a praça Dr. Godoy, atualmente praça tabelião Antônio César.

Fonte: @bonitodopassado

Portico

Construído na gestão do ex-Prefeito Ruy Barbosa (2009-2016), e inaugurado em 2012, o monumento dá boas vindas aos visitantes de nossa cidade. Possui em seu interior fotos dos principais atrativos turísticos.

Ao lado se encontra o Centro de Atendimento ao Turista e a rodoviária.

Cachoeira Desejos

A fonte localizada na Praça de São Sebastião, foi construída e inaugurada na gestão do ex-Prefeito Ruy Barbosa (2009-2016). Teve inspiração na cascata artificial do Parque das Nações de Lisboa.

Sede da Prefeitura

Construído em 1852, o imóvel fora doado pelo Coronel Francisco Benicio das Chagas, ao Governo Imperial, para nele ser instalado o posto do serviço telegráfico na Villa do Bonito.

Já foi sede da cadeia pública municipal. Já no início do século XX, funcionou em todo espaço uma escola pública para o sexo masculino, no período de 1906-1908.

Após isso, resolveu o então prefeito municipal, Cel. Francisco Tibúrcio Paulino de Mello e Silva, transformar aquele local em sede do poder público municipal, onde ainda hoje continua sendo. Já se vai 103 anos com a prefeitura no mesmo espaço.

Fonte: @bonitodopassado

Sobrado

Construído no ano de 1906, serviu como casa comercial, pois a feira local era realizada na praça.

Nos anos 90, o velho sobrado abrigou um restaurante, o popular Bar do Arrumadinho.

No início da Gestão do Prefeito Ruy Barbosa (2009-2016), o referido sobrado foi desapropriado e passou para o poder público municipal.

Fonte: @bonitodopassado

Close Search Window
Skip to content